"Do tronco de Jessé sairá um rebento, e das suas raízes, um renovo" – Isaías 11.1 Obs: Comunidade localizada em São Paulo capital.

sábado, 30 de junho de 2012

Tim Conway – Cristo: Sete Vezes Glorioso


A centralidade de Cristo não deve ser só uma doutrina, mas uma realidade em nossa vida que deve nos moldar e transformar.

Resumo

Veja como em Hebreus 2:1-3 o autor de Hebreus nos chama para prestar grande atenção às coisas que foram ditas e que se desprezarmos a grande salvação que nos foi providenciada não haveria escapatória. Mas o interessante é que o autor de Hebreus nada fala sobre salvação no capítulo anterior. Então, como ele chegou ele quer que cheguemos a esta conclusão? Lendo todo o capítulo 1 vemos que o enfoque é: Cristo é superior aos anjos. Ou seja, o autor de Hebreus conclui que a nossa salvação é grandiosa porque Cristo, aquele que nos salvou, é grandioso. Para mostrar que a nossa salvação é grande, o autor de Hebreus nos leva a olhar para a beleza de Cristo.
Ninguém tem uma grande salvação se não tiver um grande Cristo.
Desprezar sequer um olhar do glorioso Cristo é algo terrível. Quanto mais desprezar que Ele encarnou, andou perfeitamente e morreu em uma cruz em nosso favor. Negligenciar a salvação é negligenciar o grandioso Salvador.
Então, como o autor de Hebreus quer que vejamos que Cristo é grandioso. Ele escreve sua epístola repleta de comparações, mostrando como Cristo é superior a tudo.
Tudo que é colocado ao lado de Cristo perde o brilho diante da excelência de Cristo.
E isso é uma coisa chave em nossa santificação. Você deseja desesperadamente se casar? Compare quanto Cristo é superior ao casamento, e você poderá viver satisfeito quer solteiro, quer casado. Algo no mundo o atrai (sucesso, dinheiro, etc.)? Coloque Cristo ao lado e tudo isso perderá seu brilho. Você quer seguir a Cristo neste mundo? Veja como Cristo é mais excelente que tudo o que o mundo pode oferecer. Seja aquele que vende tudo porque encontrou um tesouro e não como o jovem rico que amou mais as riquezas deste mundo do que o Messias.
Vamos então ver as sete glórias de Cristo que o autor de Hebreus aponta nos versículos 1 a 7 do primeiro capítulo.
  1. É através de Cristo que Deus fala nos últimos dias;
  2. Cristo é o herdeiro de todas as coisas;
  3. Por meio de Cristo, o mundo foi criado;
  4. Cristo é o resplendor da glória de Deus;
  5. Cristo é a expressão exata do ser de Deus;
  6. Cristo sustenta todo o universo por sua Palavra Poderosa;
  7. Cristo  fez purificação por nossos pecado e se assentou à destra da Majestade nas alturas
Quando foi a última vez que você colocou seu celular de lado, seu computador de lado e passou uma tarde inteira focado em ver a glória de Cristo através das Escrituras? O autor de Hebreus nos lembra que desviar-se é algo real e que se não considerarmos atentamente ao nosso grande Cristo podemos nos desviar dessa tão grande salvação.

Nenhum comentário: